“Jealous Guy”.

Canção escrita e interpretada por John, que apareceu pela primeira vez em seu álbum Imagine 1971. É uma das canções de John mais comumente, com pelo menos 92 versões gravadas, o mais notável sendo Roxy Music ‘s version, que alcançou o número um em vários países de três meses após a morte de John Lennon.

Gênese da canção veio na Índia, depois de os Beatles assistiram a uma palestra pelo Maharishi Mahesh Yogi sobre um “son of the mother nature“. Isto inspirou tanto Paul McCartney e John Lennon para escrever canções sobre o mesmo assunto. A composição de McCartney “Mother Nature’s Son” foi seleccionado para The Beatles (o álbum branco), enquanto a canção de John “Child of Nature” não. No entanto, ambos foram demoed em Esher casa de George Harrison maio de 1968. A demo apresentou uma guitarra acústica rastreados double-vocal de John. Depois disso, John continuou a tocar nas sessões de Get Back. Eventualmente, as letras foram demolidos e substituídas pelas bem conhecidas letras de “Jealous Guy” para Imagine.

Três gravações de “Child of Nature” são atualmente conhecidas. O primeiro é um demo da música gravada na casa de George em maio de 1968. A segunda, em que George canta backing vocals, foi gravado no Twickenham Film Studios, em 2 de janeiro de 1969. A terceira gravação foi feita na Apple Studios em 24 de Janeiro. Um fragmento de conversa do coro da segunda gravação aparece no Fly on the Wall disco bônus empacotado com Let It Be … Naked.

Por Marina Sanches – @sancmarina.

Fonte: S.S.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.