Arquivo mensal: fevereiro 2017

BEATLES DIA A DIA.

17 de fevereiro 1975

John lança nos EUA o LP de covers “Rock’N’Roll”.

 

Fonte: The Beatles Diary.

Por Marina Sanches – @sancmarina.

Anúncios

BEATLES DIA A DIA

17 de fevereiro de 1967

Os Beatles trabalham em “Being For The Benefit Of Mr Kite”.

 

 

Fonte: The Beatles Diary.

Por Marina Sanches – @sancmarina.

Vertical Man.

É um álbum de Ringo lançado em 1998. O lançamento representa a tentativa de Ringo em dar sequência no enorme sucesso do projeto The Beatles Anthology

 

Na sequência do álbum Time Takes Time, Ringo iniciou uma parceria musical com o músico e compositor Mark Hudson, que durou até as sessões do álbum Liverpool 8. Alguns dos convidados famosos foram Scott Weiland, Brian Wilson, Alanis Morissette, Ozzy Osbourne, Tom Petty, Joe Walsh, Timothy B. Schmit, Aerosmith e Steven Tyler, além dos seus dos ex-beatles Paul McCartney e George Harrison.

Por Marina Sanches – @sancmarina.

Fonte: S.S. e pesquisa.

NOTICIAS BEATLES – PAUL McCARTNEY

 

Paul McCartney e Kanye West devem lançar nova parceria.

Uma música com participação de Paul McCartney, Kanye West, Dirty Projectors e Elza Koenig (do Vampire Weeknd) pode estar à caminho de ser lançada.

Paul colaborou em 2015 com Kanye West ao lançar a música “FourFiveSeconds”, que contou com a participação de Rihanna”. Parte da música foi escrita por Dave Longstreth, do Dirty Projectors – que deve assumir os vocais dessa nova música dessa parceria.

Longstreth revelou ao The New York Times que “FourFiveSeconds” não foi a única música feita durante as sessões.

A parceria de Paul, Kanye e Rihanna chegou à sexta posição no ranking “US Billboard Hot 100”, que mede o sucesso comercial da música nos Estados Unidos. Foi a primeira vez em 28 anos em que McCartney retornou ao Top 10 da classificação.

 

 

Fonte: Pop Cultura – Via e-mail.

Por Marina Sanches – @sancmarina

“That Is All”.

Música de George lançada como a faixa final de seu álbum 1973 Living in the Material World. Uma balada lenta, fortemente orquestrada, é uma das muitas canções de amor de George que parecem ser dirigidas a uma mulher ou a uma divindade. George escreveu e gravou a canção durante o auge de sua devoção pública ao hinduísmo. No lançamento, Rolling Stone descreveu suas letras como “uma espécie de Hindu In Paradisium”.

A gravação de “That Is All” ocorreu em Londres no final de 1972, após a conclusão de George do projeto de ajuda internacional iniciado no ano anterior com o Concerto para Bangladesh. Os outros músicos na faixa são os tecladistas Gary Wright, cuja carreira solo incipiente George ativamente apoiado durante o início dos anos 1970, e Nicky Hopkins. Os arranjos orchestral e choral da canção foram fornecidos por John Barham, que tinha trabalhado também no álbum de George All Things Must Pass and Wright’s Footprint.

 

Por Marina Sanches – @sancmarina.

Fonte: S.S.

NOTICIAS BEATLES

The Beatles: documentário “Eight Days A Week” conquista o Grammy.

Filme apresenta a fase inicial dos Fab Four.

 

O documentário The Beatles – Eight Days A Week: The Touring Years conquistou um Grammy no último domingo (12) no Staples Center em Los Angeles na categoria Melhor Filme Musical.

De acordo com a Universal Music Enterprises, os produtores Nigel Sinclair, Scott Pascucci e Brian Grazer agradeceram a honraria: “Estamos tão emocionados por ganhar este prêmio. Este projeto foi uma grande aventura e nós fomos tão abençoados em ter a liderança de Ron (Howard, diretor) nos guiando através de tudo. Nós nos juntamos a Ron para agradecer a Academia de Artes e Gravação por esta honra que significará tanto para o grande número de pessoas que trabalharam no filme. Obrigado a Jeff Jones e à equipe da Apple Corps por todo o apoio e, claro, aos Beatles por nos terem confiado sua incrível história“.

Eight Days A Week se baseia na primeira fase dos Beatles ocorrida entre 1962 a 1966, em um período que os Fab Four excursionaram e conquistaram a aclamação mundial. O documentário explora como Lennon, McCartney, Harrison e Starr se uniram para transformar em uma das maiores bandas da história do rock, desde os tempos do Cavern Club em Liverpool até seu último show no Candlestick Park na cidade norte-americana de San Francisco em 1966.

Fonte: Music Journal – Via e-mail.

Por Marina Sanches – @sancmarina.

NOTICIAS BEATLES – PAUL McCARTNEY.

Veja por que Paul McCartney é um dos artistas mais importantes para a causa animal.

Paul 252 Paul 253 Paul 254

Paul McCartney é incontestavelmente mais conhecido por ser um ex-Beatle e fenômeno na história da música. Ele tem sido ativo na indústria musical há décadas, incluindo uma bem-sucedida e surpreendente carreira solo que se seguiu à separação dos Beatles, que continua até hoje.

Ele já tocou para a Rainha, para o presidente dos Estados Unidos, e na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos. Paul é, certamente, um dos músicos mais famosos e prolíficos de todos os tempos.

Mas o que muitas pessoas não sabem sobre Paul é exatamente o quanto ele tem feito para falar em nome dos animais e ajudá-los ao longo de sua vida. Da escolha de sua dieta às muitas campanhas que ele apoia, aqui estão cinco razões pelas quais Paul McCartney é uma das celebridades mais representativas dos direitos animais.

Paul 255

  1. Ele é vegetariano desde os anos 70

Após o fim dos Beatles, Paul e sua falecida esposa, Linda McCartney, retiraram-se para sua fazenda tranquila e isolada em Kintyre, na Escócia, onde passaram a criar vários animais, incluindo cavalos e ovelhas. De acordo com Paul, a sua decisão de se tornar um vegetariano foi o resultado de uma epifania que ele teve um dia, na década de 70, enquanto jantava com Linda. Conforme eles cortavam um prato de carne assada, olharam para fora da janela para ver os seus próprios cordeiros brincando alegremente nas pastagens. “Eu tive uma epifania. Eu estava tomando a vida dos animais”. Naquele dia, Paul e Linda fizeram a conexão entre os animais em sua chapa e os animais em seu quintal, e tornaram-se vegetarianos. Paul não voltou atrás, desde então.

Fonte: Catraca Livre – Via e-mail.

Por Marina Sanches – @sancmarina.