Arquivo da tag: Curiosidades Paul

“CURIOSIDADES SOBRE PAUL McCARTNEY – FINAL”.

 

Em 4 de junho de 2012, Paul fez o show de encerramento da festa do Jubileu de Diamante da rainha Elizabeth II. Cantando em frente ao Palácio de Buckingham, ele apresentou clássicos de seu repertório, como “Let it be” e “Live and let die”.

 

 

 

 

Fonte: “THE BEATLES: THE BIOGRAPHY”, DE BOB SPITZ | “PAUL MCCARTNEY: MANY YEARS FROM NOW”, DE BARRY MILES | “FAB: AN INTIMATE LIFE OF PAUL MCCARTNEY”, DE HOWARD SOUNES | “THE COMPLETE BEATLES CHRONICLE:THE DEFINITIVE DAY-BY-DAY GUIDE TO THE BEATLES’ ENTIRE CAREER”, DE MARK LEWINSHON

Por Marina Sanches – @sancmarina.

Anúncios

“CURIOSIDADES SOBRE PAUL McCARTNEY – 18”.

 

65 – Mary, a primeira filha, é uma famosa fotógrafa. A filha Stella é uma respeitada designer de moda. O filho James também músico e chegou a ser cogitado para um projeto de banda cover dos Beatles, com a participação dos filhos dos músicos originais.

66 – Paul produziu um disco pro irmão, Michael McCartney, que assinava Mike McGear. Não fez muito sucesso. Leave it.

 

67 – Paul entrou no Hall da Fama do Rock duas vezes: Em 1988 com os Beatles e em 1999 como artista solo.

 

68 – Quando o World Trade Center foi derrubado em 11 de setembro de 2001, ele estava em um avião pronto para decolar em Nova York. Foi forçado a ficar na cidade e organizou um concerto para as vítimas da tragédia no Madison Square Garden, com a participação de Elton John, David Bowie, Pete Townshend, Eric Clapton e Mick Jagger.

 

Fonte: “THE BEATLES: THE BIOGRAPHY”, DE BOB SPITZ | “PAUL MCCARTNEY: MANY YEARS FROM NOW”, DE BARRY MILES | “FAB: AN INTIMATE LIFE OF PAUL MCCARTNEY”, DE HOWARD SOUNES | “THE COMPLETE BEATLES CHRONICLE:THE DEFINITIVE DAY-BY-DAY GUIDE TO THE BEATLES’ ENTIRE CAREER”, DE MARK LEWINSHON

Por Marina Sanches – @sancmarina.

“CURIOSIDADES SOBRE PAUL McCARTNEY – 17”.

 

56 – Mesmo após os desentendimentos com o Maharishi, guru indiano que recebeu os Beatles em sua academia no Himalaia, Paul seguiu adepto da meditação. Em 2009 participou com Ringo de um concerto em prol da fundação de meditação do David Lynch.

 

 

57 – Paul perdeu a mãe, Mary, com apenas 14 anos. Esse foi um ponto de aproximação com John, que também perdeu a mãe cedo. A esposa Linda morreu com 56 anos. As duas de câncer no seio.

 

 

60 – Paul pintou mais de 500 quadros. Ele começou a pintar em 1983 e fez sua primeira exposição em 1999, em Siegen, na Alemanha. As pinturas traziam retratos de Lennon, Andy Warhol e David Bowie, além de fotografias de Linda.

591_372535572857053_705134119_n

 

61 – Nos anos 1980, Paul estabeleceu uma amizade Michael Jackson. A relação foi abalada quando Michael comprou em 1985 a empresa Northern Songs, estabelecida em 1969 para publicar as canções da dupla Lennon-McCartney, dando ao Rei do Pop os direitos sobre as músicas dos Beatles.

Fonte: “THE BEATLES: THE BIOGRAPHY”, DE BOB SPITZ | “PAUL MCCARTNEY: MANY YEARS FROM NOW”, DE BARRY MILES | “FAB: AN INTIMATE LIFE OF PAUL MCCARTNEY”, DE HOWARD SOUNES | “THE COMPLETE BEATLES CHRONICLE:THE DEFINITIVE DAY-BY-DAY GUIDE TO THE BEATLES’ ENTIRE CAREER”, DE MARK LEWINSHON

Por Marina Sanches – @sancmarina

“CURIOSIDADES SOBRE PAUL McCARTNEY – 16”.

 

53 – No quinto episódio da sétima temporada de “Simpsons”, Paul ajuda Lisa a se tornar vegetariana.

 

 

54 – Em 2006, Paul foi a Labrador, no Canadá, para protestar contra a caça de focas. Questionado quanto a importância econômica da atividade para a população local, afirmou que os pescadores deviam abandonar a caça e criar um negócio de proteção de focas.

55 – Paul adora flores. Ele deixa isso bem claro em suas exigências para shows: “É muito importante usar uma florista com reputação”, que consiga lírios e rosas brancas com muita folhagem, pequenas gardênias e frésias de vários cores e tamanhos.

Fonte: “THE BEATLES: THE BIOGRAPHY”, DE BOB SPITZ | “PAUL MCCARTNEY: MANY YEARS FROM NOW”, DE BARRY MILES | “FAB: AN INTIMATE LIFE OF PAUL MCCARTNEY”, DE HOWARD SOUNES | “THE COMPLETE BEATLES CHRONICLE:THE DEFINITIVE DAY-BY-DAY GUIDE TO THE BEATLES’ ENTIRE CAREER”, DE MARK LEWINSHON

Por Marina Sanches – @sancmarina.

“CURIOSIDADES SOBRE PAUL McCARTNEY – 15”.

49 – Como um bom inglês, Paul gosta de futebol e já esteve em estádios algumas vezes. Por influência da família ele torce para o Everton, mas já afirmou que também simpatiza com o Liverpool, pois são os dois clubes de sua cidade.

paul-01

50 – Em 1980 Paul passou 10 dias preso em Tóquio após ser pego com 218 gramas de maconha no aeroporto: “Eu sabia que não conseguiria arrumar nada para fumar por lá. Esse bagulho era muito bom para jogar privada abaixo, então resolvi levar comigo”.

51 – Paul e sua primeira esposa, Linda, tornaram-se vegetarianos e defensores dos direitos dos animais num dia em que estavam comendo carneiro e o cantor viu pela janela carneiros no campo.

52 – Durante suas turnês, os membros da equipe não podem comer carne. Nenhum alimento animal pode ser servido no backstage dos shows e também não pode haver nenhum móvel de couro ou origem animal. Mesmo os assentos de suas limousines não podem ser de couro.

Fonte: “THE BEATLES: THE BIOGRAPHY”, DE BOB SPITZ | “PAUL MCCARTNEY: MANY YEARS FROM NOW”, DE BARRY MILES | “FAB: AN INTIMATE LIFE OF PAUL MCCARTNEY”, DE HOWARD SOUNES | “THE COMPLETE BEATLES CHRONICLE:THE DEFINITIVE DAY-BY-DAY GUIDE TO THE BEATLES’ ENTIRE CAREER”, DE MARK LEWINSHON

Por Marina Sanches – @sancmarina

“CURIOSIDADES SOBRE PAUL McCARTNEY – 14”.

 

44 – Paul aparece no Guinness como “The Most Successful Composer and Recording Artist of All Time”. São 60 discos de ouro e mais de 100 milhões de álbuns e 100 milhões de singles vendidos.

46 – Composta em parceria com Linda e com o ex-produtor dos Beatles George Martin, “Live and let die”, além de ter sido indicada ao Oscar de Melhor Canção, deu a Martin o Grammy pelo arranjo da música.

 

47 – Paul foi interpretado no cinema e na TV pelos atores Thomas Brodie-Sangster (“Nowhere boy”), Gary Bakewell (“Backbeat”), Mickael Sébastien Vitanza (“I’m not there”), entre vários outros.

 

48 – Nem tudo que Paul fez deu certo. Em 1984, Paul McCartney escreveu, produziu e estrelou o filme “Give my regards to Broad Street”. As críticas foram péssimas e o público ignorou o filme. Mas a trilha sonora, com o guitarrista David Gilmour, do Pink Floyd, no hit “No more lonely nights”, foi elogiada.

Fonte: “THE BEATLES: THE BIOGRAPHY”, DE BOB SPITZ | “PAUL MCCARTNEY: MANY YEARS FROM NOW”, DE BARRY MILES | “FAB: AN INTIMATE LIFE OF PAUL MCCARTNEY”, DE HOWARD SOUNES | “THE COMPLETE BEATLES CHRONICLE:THE DEFINITIVE DAY-BY-DAY GUIDE TO THE BEATLES’ ENTIRE CAREER”, DE MARK LEWINSHON

Por Marina Sanches – @sancmarina

“CURIOSIDADES SOBRE PAUL McCARTNEY – 13”.

41 – Em 1991, a Royal Liverpool Philharmonic Society encomendou uma peça musical para marcar seu sesquicentenário. Em sua primeira incursão na música clássica, Paul escreveu a música “Liverpool Oratorio” com Carl Davis. Ele assinaria ainda “A leaf”, para piano solo, “Ecce Cor Meum” e “Standing stone”.

42 – O quinto trabalho de Paul McCartney em música clássica foi “Ocean’s Kingdom”, encomendada pela companhia de balé de Nova York. O balé fala sobre o conflito entre o inocente e puro mundo do oceano e o ameaçador reino da Terra.

43 – Paul exercita seu interesse por experimentações e música eletrônica no dueto Fireman, com Martin Glover, produtor e baixista do Killing Joke, mais conhecido como Youth. A banda tem três discos gravados, “Strawberries oceans ships forest” (1993), “Rushes” (1998) e “Electric arguments” (2008).

Fonte: “THE BEATLES: THE BIOGRAPHY”, DE BOB SPITZ | “PAUL MCCARTNEY: MANY YEARS FROM NOW”, DE BARRY MILES | “FAB: AN INTIMATE LIFE OF PAUL MCCARTNEY”, DE HOWARD SOUNES | “THE COMPLETE BEATLES CHRONICLE:THE DEFINITIVE DAY-BY-DAY GUIDE TO THE BEATLES’ ENTIRE CAREER”, DE MARK LEWINSHON

Por Marina Sanches – @sancmarina