Arquivo da tag: Magical Mystery Tour – Beatles

O SONHO COLORIDO DE UMA VIAGEM.

MAGICAL MYSTERY TOUR.

Magical Mystery Tourimages inéditas das filmagens de Magical Mystery Tourimages inéditas das filmagens de Magical Mystery Tour 2beatles_top

Esse álbum traz, no lado 1, a trilha sonora do filme Magical Mystery Tour, feito pelos Beatles para a TV. Foi o primeiro trabalho do grupo após morte de Brian Epstein e quem se encarregou do projeto foi seu idealizador.
Paul McCartney:
– Não nos preocupamos com o fato de não sabermos nada sobre cinema. Descobrimos, algum tempo atrás, que não se precisa de conhecimento prévio para fazer nada nesse mundo. Basta ter sensibilidade.
O resultado é uma série de belas imagens refletindo a onda psicodélica da época. Mas falta uma seqüência lógica, já que o filme não teve nem roteiro nem direção, e isso ofendeu os pruridos de alguns críticos. Trata-se da história de uma viagem de ônibus que sofre uma interferência mágica, surgindo, então, personagens e situações irreais, que só poderiam ter saído da imaginação dos quatro.
Paul, que estava tentando substituir Brian na orientação do grupo, envolveu-se profundamente com o trabalho e fez praticamente sozinho toda a montagem. Mas a crítica foi implacável: pela primeira vez, encontrava motivos para condenar quatro gênios, até então infalíveis. Na verdade, os críticos não levaram em conta o fato de ser a primeira experiência cinematográfica do grupo e exigiram uma perfeição a altura de sua produção musical, como se fossem veteranos no cinema. Paul ficou bastante magoado; mas não perdeu o humor ao responder as críticas:
– Achamos que o título já explicava tudo. Não havia roteiro nem planos definido… Adoramos a fantasia e tentamos criá-la no filme. Mas foi tão ruim assim, em comparação com o texto da programação de Natal? A mensagem da rainha não foi nenhuma obra de arte.
A idéia do filme surgiu pela primeira vez em março de 67, mas as filmagens só começaram em setembro. Estreou na BBC TV no Natal e deveria ser apresentado nos Estados Unidos, mas devido ao fracasso de crítica, a TV norte americana NBC cancelou o contrato de 1 milhão de dólares. O filme não foi veiculado na TV brasileira porque uma das exigências para sua exibição era a existência do sistema de TV em cores, que ainda não tínhamos na época. Mas Magical Mystery Tour delicia até hoje, as platéias das salas especiais em que é apresentado entre nós.
A trilha sonora foi lançada na Inglaterra em dois compactos duplos, acompanhados por um livreto, em dezembro de 67. O álbum, portanto, saiu primeiro nos Estados Unidos, e só chegou ao Brasil depois do relançamento, em 76.
O lado 2 traz canções que haviam sido lançados em compactos.
Assim, todas as gravações editadas pelos Beatles em 1967 estão contidas nesse álbum e no Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band.

images (5)

Inglaterra: 19/11/67; Estados Unidos: 27/11/67; Brasil 12/76.

MAGICAL MYSTERY TOUR

(Lennon-McCartney)

John Lennon: Violão e backing vocal.

Paul McCartney: Baixo, piano e vocais principais.

George Harrison: Guitarra solo e backing vocal.

Ringo Starr: Bateria e pandeiro.

Músicos de estúdio: Três trompetes.

Abertura triunfal para a história de uma viagem mágica, de acordo dom a intenção de Paul de fazer com que essa faixa lembrasse um comercial de TV. É ele que faz os vocais principais, enquanto John e George “respondem” no backing vocal.

O estéreo foi usado brilhantemente para dar idéia do movimento do ônibus, através da colocação estratégica de vozes e demais sons nos dois canais. O uso do piano e dos trompetes cria um clima jazzístico que alguns comparam com “Penny Lane” e “Lovely Rita”, especialmente no final da faixa.

 

 

 

 

Por Marina Sanches.